Preço médio da mandioca recua 2% em abril

Agricultores continuam interessados em comercializar mandioca nas regiões acompanhadas pelo Cepea, apesar da pequena disponibilidade de raízes de segundo ciclo e das dificuldades com a colheita, devido ao clima seco em algumas regiões. Conforme colaboradores do Cepea, esse cenário esteve atrelado à necessidade de liberação de áreas de alguns produtores, enquanto outros negociaram a raiz por considerarem os preços atrativos ou por receio de que caiam ainda mais.

Assim, entre 23 e 27 de abril, o preço médio semanal da tonelada de mandioca posta fecularia foi de R$ 497,53 (R$ 0,8653 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), 3,7% menor que o do período anterior. Em valores atualizados (deflacionamento pelo IGP-DI de março/18), a média de abril recuou 2% na comparação com a de março e 1% em relação à de abril do ano passado.

Publicidade

 

Agrolink