Connect with us

Notícias

Acusados de execução vão a julgamento menos de um ano depois do crime

Publicado

em

Alexandro de Souza Morais e Juliano Cesar Martins das Chagas foram presos em datas distintas, pouco mais de um mês do achado de cadáver numa plantação na região de Vila Celeste.

Os acusados do assassinato de Robson de Paulo Silva são submetidos a júri popular nesta quinta-feira (13) em Santa Helena.

Alexandro de Souza Morais e Juliano Cesar Martins das Chagas foram presos em datas distintas, pouco mais de um mês do achado de cadáver numa plantação na região de Vila Celeste.

O corpo de Robson foi encontrado em 8 de agosto de 2020, mais ou menos 10 dias depois que familiares notaram o seu sumiço.

O inquérito foi agilizado pela polícia e a sessão de julgamento foi marcada pouco mais de 9 meses depois de constatada a execução da vítima.

O júri é presidido pelo juiz Jorge Kotzias Neto, representando o Ministério Público, atua a promotora Helena Ghenov Pomeraniec . Para a defesa dos réus, são quatro advogados.

O julgamento é fechado ao público em razão da pandemia do novo coronavírus. A sentença deve ser dada ainda na noite de hoje.

Correio do Lago

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home3/radiojornal/public_html/wp-includes/functions.php on line 4755