Connect with us



Notícias

Vereadores de São Miguel derrubam veto sobre adicional de Difícil Acesso aos servidores

Publicado

em

Safismi

A Câmara Municipal realizou na tarde desta segunda-feira (06/05) a 14ª Sessão Ordinária de 2019. Por 6 votos a 3, os vereadores de São Miguel do Iguaçu derrubaram o voto do Prefeito Claudio Dutra à emenda que ampliava o alcance do auxilio de Difícil Acesso, um adicional financeiro para servidores públicos que percorrem grandes distâncias para chegar ao local de trabalho. A alteração ocorreu em um dos itens do Projeto de Lei 45/2019, que limitava o benefício para quem se desloca da cidade para o interior. Com a supressão ao texto original, o auxílio passaria a ser concedido também aos moradores do interior que atuam na sede do município. Em entrevista à Rádio Jornal, o Vice-presidente da Câmara Municipal, Vereador Ari Jarczewski (PPL), explica que a matéria foi debatida com o Poder Executivo, mas a decisão pela derrubada do veto foi mantida.

A Rádio Jornal em contato com a Assessoria de Imprensa da Prefeitura, mas até o momento o Governo Municipal não se manifestou sobre o projeto. Votaram contrário ao veto do Executivo os vereadores Lafaiete (PSDB), Marquinhos Murbak (SD), Flavia Dartora (PRB), Boaventura Motta (MDB), Professor Ari (PPL) e Eliseu Marciano Presa (PSDB). Já os vereadores Alfredo Junior Mendes (PR), Vanderlei dos Santos (PSDB) e Francisco Machado Mota (SD) votaram pela manutenção do veto.

Em segunda votação, o plenário aprovou o Projeto de Lei 63/2019, que autoriza a prefeitura a contratar financeira com a Caixa Econômica Federal para pavimentação, recapeamento e recuperação em ruas do Bairro Floresta. O vereador Lafaiete Ganda Meira comemorou a aprovação.

Entre as matérias da Câmara, foi apresentada uma indicação de Marquinhos Murbak (SD), que reivindica melhorias nas estradas de proprietários de suínos e aviários. Já o vereador Eliseu Marciano Presa, indicou melhorias na Iluminação Pública urbana e rural.

O vereador Vanderlei dos Santos, também conhecido como Vando da Garagem, indicou a Criação do Programa Equoterapia em São Miguel do Iguaçu. A atividade é um tipo de terapia com cavalos que serve para estimular o desenvolvimento da mente e do corpo. A equoterapia ajuda no tratamento de deficiências ou necessidades especiais, como a síndrome de Down, paralisia cerebral, derrame e esclerose múltipla. Em entrevista à reportagem da Rádio Jornal, Vando explica como surgiu a demanda.

 

Fernando Figa
Rádio Jornal São Miguel

eleicoes
Uniguaçu