Vereador de Serranópolis do Iguaçu é preso por crime ambiental

Em vistoria na propriedade do vereador Loacir José Dembogurski, na linha Belom no município de Serranópolis do Iguaçu, foi constatado que o senhor Loacir realizou a limpeza de um quilômetro de estrada que margeia o Parque Nacional do Iguaçu nos fundos de sua propriedade e de seus dois irmãos.

Na limpeza, Loacir com o auxilio de um trator empurrou vegetação, derrubou arvores e ainda danificou a cerca de limite do parque. Fiscais mediram a área danificada que totalizou 0,3 hectares de vegetação do bioma mata atlântica em estagio médio de regeneração (conforme resolução 02/94 do conama) e foram derrubados aproximadamente 150 postes de concreto da cerca do parque nacional.

Na propriedade os policiais ainda constataram que senhor Loacir estava carregando um caminhão de marca Merceds Benz modelo 1113, com o auxilio de um trator New Holland, e no caminhão havia 15 metros de lenha sendo oito metros de lenha de espécies exótica leucena e sete metros cúbicos de lenha nativa das espécies canela, ipê e canafístula.

A lenha foi retirada de sua propriedade em cortes isolados em uma área que era uma antiga residência. O senhor Loacir não apresentou nenhuma licença ambiental para supressão de vegetação, diante dos fatos foi dado voz de prisão ao mesmo por em tese ter contrariado o art. 40 e 45 da lei 9605/98 e o art. 163 do código penal.

O caminhão, o trator e a lenha ficaram em sua propriedade sob sua responsabilidade até decisão judicial.

Loacir foi encaminhado para a delegacia de policia federal de foz do iguaçu para as providências de policia judiciária.

 

Fonte: Guia Medianeira/CGN/Polícia Ambiental – Força Verde