Connect with us



Brasil

Patrick encara jogo de quarta contra o Flamengo como uma final

Publicado

em

Safismi

Na estreia do Campeonato Brasileiro, o Internacional foi derrotado pela Chapecoense por 2 a 0 e, na próxima rodada, irá em busca de recuperação. Por sua vez, o Flamengo começou com pé direito ao vencer o Cruzeiro por 3 a 1. O meia Patrick afirmou que o time precisa pontuar nessa partida.

“É jogo um grande. São dois adversários que com certeza irão brigar pelo título. Temos que entrar forte. Tivemos uma derrota para a Chapecoense que a gente não esperava. O Odair optou por revezar a equipe. Agora vamos entrar numa sequência de partidas. O momento para descansar é esse. São jogos grandes, difíceis e precisamos de todo mundo. Precisamos pontuar porque perdemos a última partida. Vamos entrar para dar o nosso melhor e tentar conseguir a vitória”, comentou.

Diante dos catarinenses, o colorado usou um time reserva que não foi bem visto pelos torcedores vermelhos. O meio-campista prevê que o confronto do meio da semana será decisivo para o Inter visando a sequência do Brasileirão.

“No Campeonato Gaúcho tinha gente falando que a equipe reserva estava melhor do que a titular. Para nós não tem equipe 1 ou 2. Agora depois da primeira derrota estão falando que a equipe alternativa não funciona mais. É uma derrota que ninguém esperava. Fizemos um grande jogo diante da Chapecoense e tomamos um gol que em outras ocasiões não tomaríamos. Agora é levantar a cabeça porque mostramos ter um grupo forte no Estadual. Temos um combinado entre nós que toda a partida é uma final. Essa vai ser mais uma final e teremos que buscar três pontos de qualquer jeito”, avaliou.

Lesionados, os zagueiros Rodrigo Moledo e Victor Cuesta deixaram mais cedo a atividade de hoje e são dúvidas para enfrentar os cariocas. Nesta terça-feira, o elenco do Inter volta aos treinos, às 09h30 (de Brasília), no CT Parque Gigante.

Gazeta Esportiva

eleicoes
Uniguaçu