Connect with us



Esporte

Neymar faz 4 gols e é vaiado pela própria torcida

Publicado

em

Safismi

Neymar teve sua melhor atuação pelo Paris Saint-Germain nesta quarta-feira, na goleada por 8 a 0 sobe o Dijon, mas, por mais surreal que isso possa parecer, foi vaiado por boa parte da torcida do próprio PSG e deixou o campo irritado. Mais uma vez, o motivo da discórdia foi uma cobrança de pênalti: o brasileiro pegou a bola e fez seu quarto gol na partida, válida pela 21ª rodada do Campeonato Francês, mas a torcida queria que o uruguaio Edinson Cavani batesse e se tornasse o maior artilheiro da história do PSG.

A cena surpreendente aconteceu no fim da partida, quando o placar marcava 7 a 0. Cavani sofreu pênalti e, caso marcasse o seu segundo gol no jogo, ultrapassaria a marca de 156 gols do sueco Zlatan Ibrahimovic. Neymar, no entanto, pegou a bola, sem ser incomodado por Cavani e a torcida o repreendeu, com vaias, e gritando o nome do uruguaio. Neymar bateu bem e comemorou timidamente, cumprimentado pelo próprio Cavani e outros companheiros.

Ao deixar o gramado, Neymar pegou a bola do jogo (uma tradição para quem faz três ou mais gols) e não quis dar entrevista para a emissora de televisão. O jornalista ainda teve de correr para entregar-lhe o prêmio de melhor em campo, que o brasileiro logo repassou a um funcionário do PSG, antes de ir para o vestiário com semblante sério. Ele foi o único jogador a deixar o campo sem cumprimentar os torcedores.

Fonte: Veja

Uniguaçu
eleicoes