Connect with us

Agricultura

Milho passa por correção e fecha a quinta-feira com leves quedas

Publicado

em

Depois de três altas seguidas, os preços futuros do milho negociados na Bolsa de Chicago (CBOT) encerraram o pregão desta quinta-feira (26) com ligeiras quedas, bem próximos da estabilidade. Os principais contratos da commodity recuaram entre 0,50 e 1,00 pontos. O maio/18 era cotado a US$ 3,86 por bushel e o julho/18 a US$ 3,95 por bushel. O setembro/18 operava a US$ 4,02 por bushel.

“Os futuros do milho diminuíram nesta quinta-feira em uma rodada de realização de lucros após um comício para o nível mais alto em nove meses e com previsões de clima melhor nos Estados Unidos”, reportou a Reuters internacional.

Conforme dados do meteorologista da Radiant Solutions, Don Keeney, “o Centro-Sul e Centro-Oeste e Delta devem finalmente ter um clima mais seco e duradouro na próxima semana”.

“As temperaturas também deverão ficar mais altas em toda a região no início da próxima semana, permitindo que os produtores entrem nos campos e consigam colocar as culturas no solo”, completa o especialista.

Ainda hoje, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) reportou a venda de 107,6 mil toneladas de milho para destinos desconhecidos. O volume negociado deverá ser entregue ao longo da campanha 2017/18.

Outro fator que segue no radar dos participantes do mercado é o clima no Brasil. “O Sul do Brasil ainda está observando condições secas que estão afetando a segunda safra de milho”, disse Terry Reilly, da Futures International ao Agrimoney.com.

Mercado brasileiro

Já no mercado brasileiros, as cotações do milho apresentaram ligeiras movimentações nesta quinta-feira. Segundo levantamento realizado pelo economista do Notícias Agrícolas, André Lopes, o preço caiu 4,10% no Oeste da Bahia, com a saca do cereal a R$ 29,25.

Em Castro (PR), o recuo foi de 2,56% e a saca a R$ 38,00. Em contrapartida, em Campo Novo do Parecis (MT), a saca subiu 2,13% nesta quinta-feira com a saca a R$ 24,00. Ainda no estado mato-grossense, em Tangará da Serra, a alta foi de 2,00%, com a saca a R$ 25,50.

Na região de São Gabriel do Oeste (MS), o ganho foi de 1,67% e a saca a R$ 30,50. Em Assis (SP), a saca subiu 1,59% e encerrou o dia a R$ 32,00.

Enquanto isso, a moeda norte-americana encerrou o dia a R$ 3,4767 na venda, com queda de 0,27%. “O dólar passou por uma leve correção nesta quinta-feira acompanhando o movimento externo com o recuo dos rendimentos dos Treasuries aliviando as preocupações sobre juros mais altos do que o esperado nos Estados Unidos”, informou a Reuters.

 

Notícias Agrícolas

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home3/radiojornal/public_html/wp-includes/functions.php on line 4755