Messi conquista Bola de Ouro pela sexta vez e se isola como maior vencedor; Alisson fica em 7º

A Bola de Ouro é de Lionel Messi pela sexta vez. Em premiação realizada pela France Football nesta segunda-feira, em Paris, o argentino foi anunciado novamente como vencedor quatro anos depois da última conquista. O prêmio, que foi unificado pela Fifa entre 2010 e 2015, é outro a coroar a temporada do camisa 10 do Barcelona, que também venceu o The Best em setembro.

Messi se isola como maior vencedor da história da premiação, com um troféu a mais que Cristiano Ronaldo. Agora ele tem oito prêmios ao todo: seis Bolas de Ouro, quatro delas unificadas com a Fifa, e outros dois de Melhor Jogador do Mundo dados pela entidade máxima do futebol. Confira:

2009: Bola de Ouro (France Football) e Melhor do Mundo (Fifa)

2010: Bola de Ouro (France Football + Fifa)

2011: Bola de Ouro (France Football + Fifa)

2012: Bola de Ouro (France Football + Fifa)

2015: Bola de Ouro (France Football + Fifa)

2019: Bola de Ouro (France Football) e The Best (Fifa)

Messi superou Van Dijk, Cristiano Ronaldo e Mané, que completaram o top-4 da premiação. Assim como no The Best, o português não esteve presente na cerimônia, que ainda consagrou Alisson como melhor goleiro e Mattihjs De Ligt como melhor jogador jovem.

O goleiro do Liverpool, inclusive, foi o único a representar o Brasil no top 10, na sétima colocação. Firmino foi o 17º, enquanto Marquinhos ocupou a 28ª posição.

ge