Lesão preocupa seleção e Arthur pode ser cortado da Copa América

A situação do volante Arthur preocupa o departamento médico da seleção brasileira às vésperas da estreia na Copa América. O jogador do Barcelona foi submetido a exames de imagem no joelho direito na última segunda-feira, 10, e não participou do treinamento desta terça, 11, no estádio do Pacaembu, em São Paulo.

Ao contrário do que o técnico Tite afirmou no último domingo 9, a lesão não é tão simples como se imaginava. O volante revelado pelo Grêmio continua em observação e pode não atuar na estreia do Brasil na competição continental, marcada para esta sexta-feira, às 21h30, diante da Bolívia, no estádio do Morumbi, em São Paulo.

Publicidade

A Confederação Brasileira de Futebol tem até a noite de quinta-feira, 13, para comunicar à Conmebol um possível corte de Arthur da lista de convocados da Copa América – o prazo limite é 24 horas antes da estreia da seleção no torneio. O técnico passou por dilema semelhante na Copa da Rússia, com Fred, do Manchester United. Na ocasião, preferiu não cortar o atleta, que não se recuperou a tempo de atuar em alto nível.