Connect with us



Esporte

Em final histórica, Djokovic vence Federer em Wimbledon

Publicado

em

Safismi

É hat-trick! Após quase cinco horas de partida, o sérvio Novak Djokovic venceu sua terceira final de Wimbledon contra Roger Federer e conquistou seu quinto título na grama neste domingo, em 3 sets a 2, com parciais de 7/6(5), 1/6, 7/6(4), 4/6 e 12/12(7-3), após quase cinco horas de partida, a maior final de todos os tempos no Grand Slam.

Com o resultado, Novak Djokovic alcançou seu 16º troféu em Grand Slams, agora a apenas quatro do suíço no ranking geral. Além disso, o tenista atual número 1 do mundo, agora com cinco títulos em Wimbledon, se igualou a Bjorn Borg como o quarto maior ganhador do torneio na era aberta. Contra Federer, este foi seu terceiro título conquistado na grama (2014, 2015 e 2019). Aos 32 anos, ele fica a dois títulos do espanhol Rafael Nadal (18 troféus), de 33 anos, e a quatro de Federer (20), de 37 anos.

Tirando o segundo set, vencido por um fácil e fora do padrão 6/1 por Roger Federer, os demais sets foram verdadeiros espetáculos de ambos os lados. No quinto, sem tie-break até 12/12 pela nova regra de Wimbledon, quem levou a melhor foi Djokovic, ao vencer a decisão por 7-3.

Gazeta Esportiva

eleicoes
Uniguaçu