Com japonês, Palmeiras estreia uniforme e bate Galvez na Copinha

O Palmeiras estreou na edição de 2019 da Copa São Paulo de maneira bem-sucedida na noite desta quinta-feira. Com o japonês Daiju Sasaki como camisa 10, a equipe alviverde usou seus novos uniformes e ganhou por 2 a 0 do Galvez-AC, na Arena Capivari.

Integrante do Grupo 13 da Copa São Paulo, o Palmeiras marca seus primeiros três pontos no torneio e figura na segunda colocação. A liderança da chave é ocupada pelo XV de Piracicaba, que ganhou do Capivariano por 4 a 2 em mais uma partida disputada na noite desta quinta-feira.

Publicidade

Pela segunda rodada da Copa São Paulo, o Galvez volta a campo para tentar a recuperação diante do Capivariano às 18h45 (de Brasília) deste domingo, na Arena Capivari. No mesmo local, às 21 horas, o Palmeiras procura manter o embalo contra o XV de Piracicaba.

O Palmeiras conseguiu inaugurar o marcador no interior paulista aos 32 minutos do primeiro tempo. Após lançamento longo, Guilherme Vieira dominou pela esquerda e cruzou. Patrick de Paula, livre, completou de primeira e colocou o time alviverde em vantagem.

Trajado com a camisa 10 do Palmeiras, Daiju Sasaki mostrou alguma técnica durante seus primeiros 45 minutos pelo clube alviverde, apesar do gramado da Arena Capivari, prejudicado significativamente pela chuva que atingiu a região. No intervalo, com dores na coxa, ele acabou substituído por Gabriel Veron, de apenas 16 anos.

O Galvez-AC desperdiçou uma grande oportunidade de empatar o marcador logo aos três minutos do segundo tempo. Após bate-rebate dentro da área palmeirense, a bola sobrou na esquerda para Erick, que tocou na saída do goleiro Gomes e mandou para fora.

Com o gramado pesado da Arena Capivari, vários jovens sentiram problemas físicos. O Palmeiras, desfalcado por sete jogadores convocados para o Sul-Americano Sub-20, aumentou aos 43 minutos do segundo tempo, quando Lincon recebeu cobrança rápida de lateral pela esquerda e cruzou para Josué completar.

Gazeta Esportiva

COMPARTILHAR