Connect with us



Brasil

Após queda no estadual, Galo junta forças para “final” na Libertadores

Publicado

em

Safismi

Após o empate com o Cruzeiro, por 1 a 1, no último sábado, no Independência, o clube mineiro já foca suas atenções na Copa Libertadores, no duelo contra o Nacional, nesta terça-feira, às 21h30 (de Brasília), no Mineirão.

Embora concentre suas atenções na partida contra o Nacional, o Atlético olha para o clássico e vê algo de positivo. Apesar de perder o título, a equipe, segundo o técnico Rodrigo Santana, saiu fortalecida do jogo. É e exatamente este sentimento entre os atletas.

Essa força, no entanto, tem que representar um bom triunfo contra o Nacional. Isso porque um empate já é necessário para a equipe uruguaia confirmar sua classificação para a próxima fase, já que tem nove pontos contra três do Galo. Restando duas rodadas, o Atlético precisa vencer os próximos dois duelos e torcer para duas derrotas do oponente.

Para o jogo, o Atlético tem vários problemas para o duelo. O meia Geuvânio não está inscrito para a primeira fase do torneio e não vai para o confronto. A tendência é que Maicon Bolt entre na vaga. No meio campo, Luan deve seguir na armação de jogadas, afinal, Cazares perdeu prestígio após atos de indisciplina. Na zaga, Rever ainda não está 100% e Igor Rabello sofreu uma torção no joelho. Assim, a dupla de zaga será formada por Léo Silva e Iago Maidana.

O Nacional chega a Belo Horizonte com a missão de, pelo menos, levar o empate para o Uruguai. Os últimos dois jogos pelo Apertura, torneio local, foram igualdades, um por 2 a 2 e o último, nesse sábado, por 4 a 4.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO X NACIONAL

Local: Estádio Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Data: Terça-feira, dia 23 de abril de 2019

Horário: 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Fernando Rapallini (ARG)

Assistentes: Não divulgados

ATLÉTICO: Victor; Guga, Léo Silva, Iago Maidana e Fábio Santos; José Welison, Elias, Luan, Maicon Bolt, Chará e Ricardo Oliveira.

Técnico: Rodrigo Santana

Gazeta Esportiva

eleicoes
Uniguaçu