Connect with us



Brasil

Após jogo “exigente”, Sampaoli prega cautela com liderança do Santos

Publicado

em

Safismi

Jorge Sampaoli se mostrou satisfeito com a apresentação de seus comandados na vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo, conquistada neste domingo, no Nílton Santos. Porém, foi cauteloso quando diz respeito a liderança, dividida com o Palmeiras. Em entrevista coletiva concedida ainda em solo carioca, o treinador valorizou os três pontos conquistados em um jogo “exigente”, no qual os dois times terminaram com 10 jogadores.

“Temos que pensar que cada jogo é assim, muito complicado. Hoje foi um jogo que exigiu bastante de todos os jogadores. O campo não estava ajudando. Temos que saber que nossa realidade será marcada em novembro, no fim do campeonato. Nós temos que pensar em chegar bem nas últimas rodadas. Esse tem que ser o nosso foco”, disse Sampaoli.

Depois de um primeiro tempo em que o Peixe encontrou dificuldades para prevalecer no último terço do campo, Sampaoli promoveu mudanças para a segunda etapa, entre elas a entrada de Marinho na vaga de Uribe, que começou como referência no comando de ataque. E foi justamente o substituto que marcou o gol do triunfo, com um chute de fora da área.

O técnico do Santos explicou a mudança tática com a entrada de Marinho e valorizou o estilo do jogador diante das circunstâncias da partida, com um jogador a menos de cada lado. “Marinho teve muito a ver com o resultado por suas participações ofensivas. Tivemos a inferioridade numérica e modificamos a forma de jogar, mas o que buscamos com Marinho foi a presença de ataque e, por sorte, marcamos o gol”, finalizou.

Gazeta Esportiva

eleicoes
Uniguaçu