Siate atende adolescente com sinas de agressão e estupro

Na noite de ontem, domingo 12 de novembro de 2017, por volta das 20h30, policiais militares do 14º BMP de Foz do Iguaçu, juntamente com socorristas do Siate (Sistema Integrado de Atendimento ao Trauma e Emergência) do Corpo de Bombeiros, foram acionados para deslocarem até a Rua Olinda, no Bairro Jardim Canadá, para darem atendimento a uma adolescente de 13 anos de idade, vítima de agressão e violência sexual.

A vítima foi socorrida na casa de familiares e, segundo informações repassadas à Policia Militar, a garota teria saído na tarde de sábado para ir à igreja e desaparecido.

Já na noite de domingo ela foi vista por vizinhos perambulando na rua que mora e com a ajuda de vizinhos chegou em casa cambaleante e absolutamente desorientada, sob efeito de algum tipo de droga. Ao ser examinada pela mãe, foram localizadas marcas de agressão e estupro. Socorristas do Siate encaminharam a vítima para o Pronto Socorro do Hospital Municipal sem condições de informar o que havia acontecido.

Tribuna Popular

COMPARTILHAR