MEI: novas regras estão valendo desde o dia 1º

Desde o dia 1º, estão valendo novas regras para quem se enquadra no regime de MEI (microempreendedor individual). O teto de faturamento para se enquadrar na modalidade passou de até R$ 60 mil para até R$ 81 mil. Com a alteração, os rendimentos mensais do MEI podem chegar em média a R$ 6.750.

Outra mudança neste ano foi à exclusão das ocupações de arquivistas de documentos, técnico contábil e personal trainer como MEI. “Em Toledo, são cerca de 120 trabalhadores regularizados (possuem alvará) nestas três profissões que deixaram de ser MEI. Eles precisam solicitar seu desenquadramento no Portal do Simples Nacional”, explica o assistente administrativo da Sala do Empreendedor Newton Ednei Guzzo.

Publicidade

Além da exclusão dessas profissões, outras foram autorizadas como MEI, são elas: apicultores, cerqueiros, locadores de bicicleta, locadores de material e equipamento esportivo, locadores de motocicleta, locadores de vídeo game, viveiristas, prestadores de serviços de colheita, prestadores de serviços de poda, prestadores de serviços de preparação de terrenos, prestadores de semeadura e de roçagem, destocamento, lavração, gradagem e sulcamento. Todos devem ser independentes.

Fonte: Catve

COMPARTILHAR