Homem tem 95% do corpo queimado ao colocar fogo na casa da família em Foz do Iguaçu

Padrasto e enteado, de 59 e 20 anos, ficaram feridos durante um incêndio na casa onde moravam no bairro Boa Esperança, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, por volta das 20h15 de domingo (12).

Segundo informações da polícia e do Corpo de Bombeiros, o homem chegou alterado em casa e, durante uma briga, tentou atear fogo no imóvel e na família.

Publicidade

A mulher dele, que preferiu não ser identificada, conta que o suspeito saiu e levou todas as chaves da casa. “Quando voltou para me entregar a chave, estava com um galão de gasolina”, relata.

Ela diz que tudo aconteceu rapidamente.

“Eu só ouvi quando ele falou ‘Eu vou morrer, mas você também vai’. Daí, já não vi mais nada”, lembra.

A mulher não teve ferimentos e conta que passava por um relacionamento conturbado com o marido. “Ele já tinha tentado me matar estrangulada”, afirma.

O suspeito teve 95% do corpo queimado e foi encaminhado para o Pronto-Socorro do Hospital Municipal Padre Germano Lauck. Ele teve queimaduras de 1º e 2º graus.

Já o enteado teve queimaduras nas penas porque tentou apagar o fogo da casa e socorrer o padrasto. Ele também foi levado ao hospital.

 

G1

COMPARTILHAR