Dicas imprescindíveis para você nunca mais esquecer de cuidar dos pés

Os pés sofrem, é fato. O ano todo. Além de nos aguentarem o dia inteiro, são verdadeiras vítimas das mudanças climáticas. No inverno, ressecam por conta dos banhos quentes e do tempo frio. “Já no verão, o uso de sandálias, chinelos e rasteirinhas os deixam ainda mais expostos, favorecendo rachaduras na região. E, mesmo sabendo de todos os perrengues que esses camaradas passam, muitas de nós simplesmente esquecem de dar atenção especial a eles… Isso precisa mudar!

Siga nossos passos e veja quais são os cuidados com os pés que todas deveriam ter:

Publicidade

• Higienizar corretamente
Durante o banho, lave muito bem os pés com água e sabão para eliminar as bactérias acumuladas. Em seguida, seque-os bem, principalmente entre os dedos.

• Evite micose
A umidade é a brecha perfeita para o problema dar as caras. Portanto, além de caprichar na secagem, procure usar sapatos fechados com meias de algodão, que ajudam na absorção do suor e protegem os pés contra contaminações.

• Xô, mau cheiro
Recorra aos desodorantes para pés, bons aliados para mantê-los frescos e com a produção de suor controlada.

• O fim dos calos
Substitua os sapatos muito apertados por versões confortáveis e lance mão de palmilhas de amortecimento. Protetores de silicone para calos também ajudam, pois evitam o atrito constante responsável pelo problema.

• Esfoliar
Uma vez por semana, faça esfoliação suave com produtos específicos ou óleo de amêndoas e açúcar. Isso ajuda a remover as células mortas e renova a pele dos pés, deixando-a bem lisinha. Lixas devem ser usadas quinzenalmente – não menos que isso – para evitar agressões.

• Hidratar
O hábito deve ser diário e praticado logo após o banho, quando a pele fica mais receptiva para absorver os produtos.

• Relaxar
Dia longo? Coloque os pés sobre um travesseiro, deixando-os mais altos que o restante do tronco. Aproveite para espalhar cremes com cânfora dos pés às panturrilhas.

• Escalda-pés
Você só vai precisar de bacia, água morna, sal grosso e ervas aromáticas refrescantes, como eucalipto ou cânfora. Mantenha os pés imersos de 15 a 20 minutos e relaxe! Passar um pouquinho da mistura nas panturrilhas também é uma boa ideia.

• Automassagem
Com um creminho, massageie sola, planta dos pés e calcanhares com movimentos de deslizamento, circulares e um pouco de pressão. Vale, ainda, estender a massagem até o tornozelo. Os benefícios vão desde a melhora do fluxo de sangue até o relaxamento e alívio de dores.

COMPARTILHAR